Vereador Adão, a vitória da autenticidade.

A vitória da autenticidade. Entrevista com o vereador assumido eleito em Conquista

adao_marccelus00001No mapa do coração localizamos exatamente onde fica a mais expressiva vitória da autenticidade. Chegar lá é fácil porque se trata de uma pessoa a quem todos admiram: o Professor Adão. E o lugar exato do tesouro é Vitória da Conquista. A terceira maior cidade da Bahia. Nós todos nos surpreendemos nesta eleição quando o povo da “Jóia do Sertão” disse sim e transformou em edil o apresentador de TV, ator e mestre em geografia Professor Adão. Ele foi o grande vitorioso do Brasil nesse momento. Ganhou as eleições em detrimento a todo preconceito e homofobia reinante.

O Professor Adão figurou como a primeira notícia de um homossexual assumido eleito no país sem ser em um candidatura gay, assim que os resultados das eleições municipais de domingo passado começaram a ser divulgados. Pegou todos de surpresa. Miramos no que víamos, vários homossexuais engajados no MHB disputando as eleições, e as urnas acertam exatamente no que não víamos – um jovem mestre do interior baiano que se fez respeitar sendo homossexual pela competência – simbolizando a honestidade, a ética e a visibilidade gay, sem nunca ter levantado bandeira alguma a favor dos direitos gays até nos últimos meses de fundação do Acrópoles. adao_marccelus00002Foi escolhido vereador tão somente por uma única razão: a autenticidade! Nunca foi um homem simulado, enrustido ou demonstrou medo ou o pior, teve vergonha da sua condição de homossexual. Sempre foi ele mesmo todo o tempo. Foi escolhido sem precisar se utilizar de atitudes demagógicas, ser assistencialista ou hipócrita. Obteve votos em todas as urnas do terceiro maior colégio eleitoral da Bahia. E falar que além de bonito é inteligente é repetir uma verdade. Adão é o maior exemplo de que “ser você mesmo” é a única razão de viver.


Nenhum outro candidato assumidamente gay ou lésbica do país conseguiu se eleger. Alguns eleitos são citados como sendo homossexuais por terceiros, mas na realidade somente o senhor é que fala abertamente da sua homossexualidade, eleito no Brasil nas últimas eleições. A que o senhor atribui esta vitória?

Bem, minha história nessa cidade foi construída há muito tempo. Conquistei o respeito e a confiança de muita gente pelos meus trabalhos realizados seja na educação, nas artes ou nos projetos sociais que desenvolvemos. O fato de ser homossexual nunca foi empecilho para realizar qualquer coisa, pelo contrário, tenho isso como uma vantagem, uma das minhas maiores qualidades. A escolha do Partido Verde também foi um forte componente para essa vitória pelo perfil inovador de suas propostas.

adao_marccelus00003Já houve algum engajamento do senhor com o movimento organizado de homossexuais? Existe na sua opinião uma alienação na comunidade homo ue a impede de ver nos candidatos gays competência e importância? Os homossexuais da sua cidade apóiam o seu mandato?

Estamos estruturando nosso grupo gay, o primeiro do sudoeste da Bahia, chamado Acrópole que ficou meio parado por causa da campanha. É bom que se diga que minha candidatura não foi uma candidatura gay, tenho muitas outras bandeiras e se me concentrasse somente nesse aspecto ela não teria a dimensão que pretendo dar ao meu mandato. Quanto aos gays é curioso não ter o apoio da maioria deles. Claro que minha equipe direta foi e continuará sendo majoritariamente gay e assumida que conviveu harmoniosamente com outros apoiadores heterossexuais. Tem também um componente desagradável e inevitável que é a inveja de muitas pessoas, mas isso não é atributo apenas da comunidade gay. Curioso foi ter tido o apoio de grupos de jovens evangélicos, para mim foi uma agradável surpresa.

adao_marccelus00004O professor Adão tem trânsito livre em todo o meio cultural conquistense. Desde o desempenho holístico junto à jovens educandos até ao palco, como ator e dramaturgo. Sem esquecer que o senhor é um dos mais populares e competentes mestres em geografia do município. É fácil ter tantos talentos?  

As pessoas não podem se limitar. Chega de ficar carimbando as pessoas. Eu posso ser o que eu quiser desde que saiba que terei chances de ser bem sucedido. Gosto do sucesso e convivo bem com tudo de bom e de ruim que ele tráz. É maravilhoso poder desenvolver suas potencialidades e descobrir muitas outras que você nem imaginava que tinha, como essa minha aptidão para a política que vamos agora desenvolver.

Qual o perfil do seu eleitorado?

Difícil precisar. Eu tive votos em todas as urnas da cidade, isso é muito difícil de acontecer. Os jovens estudantes formaram a grande maioria dos meus eleitores, teve também a forte participação do público feminino, especialmente da terceira idade e, para minha surpresa, as crianças se mostraram muito envolvidas na campanha.
Quais os seus projetos na área dos direitos humanos?

adao_marccelus00006Pretendo desenvolver alguns projetos voltados para as chamadas minorias, que logicamente vão envolver também a comunidade gay. Uma proposta audaciosa é tentar criar condições para futuramente criar uma secretaria específica para essas minorias. Quero discutir essa idéia com mais pessoas, acho que vocês podem me ajudar nisso.

O seu companheiro Alan teve participação efetiva nesta sua vitória? [quanto tempo de união, fale mais sobre ele e o seu projeto do Acropole]
Meu amorzinho foi meu braço direito e esquerdo nessa aventura. Ele, que é um grande produtor e agitador cultural, levou como um trator minha campanha ao ponto de muitas pessoas o confundirem com o candidato. Esse ano completamos dez anos de companheirismo, de lutas e vitórias, sendo essa certamente a maior de todas até então. Somos um dos casais mais conhecidos e respeitados por todos dessa cidade e vamos trabalhar juntos nesse mandato.

adao_marccelus00007

Algum recado final ?

Quero ampliar meus contatos agora. Tenho um site pessoal que está em fase de conclusão, mais adiante vocês saberão do endereço e como poderemos construir um mandato realmente participativo e, a depender de todos, de âmbito nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>